Missionários
Claretianos Brasil

Claretiano - Rede de Educação assume direção de colégio em Marabá, no Pará

O Claretiano – Rede de Educação, com sede em Batatais – SP, pertencente à Congregação dos Missionários Claretianos, assumiu, no dia 4 de outubro, a direção e a propriedade do Colégio A Fazendinha, na cidade de Marabá, no Pará. A partir de agora, a instituição terá o nome de Claretiano – Colégio A Fazendinha, uma vez que seu nome atual tem respeitabilidade na cidade.

O Colégio A Fazendinha era de propriedade da Sra. Bernadeth Tartaglia, fundado há 35 anos, mantendo todos os níveis de educação básica: educação infantil, fundamental 1 e 2 e ensino médio, com 400 alunos matriculados em 2017. Uma área de 7.500 m2 de construção com 30 salas de aulas, laboratórios, biblioteca, auditório, ginásio de esportes, playground, áreas de recreação e área verde, situada na área da Cidade Nova.

O Claretiano – Rede de Educação assume o colégio e mantém seu comprometimento com a educação e o compromisso de ir às regiões necessitadas de educação com a nossa qualidade para a região da Amazônia Legal. 

A nova unidade educativa do Claretiano – Rede de Educação está em funcionamento, e o corpo diretivo e de professores será mantido. No mesmo prédio, funciona um polo de apoio presencial do Claretiano – Centro Universitário, que, a partir de 2018, ofertará novos cursos de graduação na modalidade semipresencial e cursos a distância. Essa nova oferta vai ao encontro do crescimento da cidade, pois Marabá é um município com 300 mil habitantes e que está em desenvolvimento por conta do agronegócio e a extração de minérios. Para conhecer o polo de Marabá, clique aqui

O Claretiano – Rede de Educação promoverá a adequação da direção, modelo pedagógico, sistemas de registro e controle, Projeto Educativo e todos os outros elementos constitutivos da maneira de educar do Claretiano – Rede de Educação.

Para esta mudança todos os pais e responsáveis pelos alunos foram convidados a participar de uma reunião na qual foi apresentada a nova direção e a nova proposta pedagógica. Neste momento percebeu-se uma boa aceitação por parte das famílias e responsáveis dos estudantes. 

 

 

Comente essa notícia

Comentários 0