Missionários
Claretianos Brasil

home » Evangelho Meditado

Evangelho Meditado

Terça-feira, 23 de Outubro de 2018

Ef 2,12-22: Ele é a nossa paz: do que era dividido, ele fez uma unidade.

Sl 84,9ab-10. 11-12. 13-14 (R. Cf 9): O Senhor anunciará a paz para o seu povo.

Lc 12,35-38: Felizes os empregados que o senhor encontrar acordados quando chegar.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: Que vossos rins estejam cingidos e as lâmpadas acesas. Sede como homens que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para lhe abrir em, imediatamente, a porta, logo que ele chegar e bater. Felizes os empregados que o senhor encontrar acordados quando chegar. Em verdade eu vos digo: Ele mesmo vai cingir-se, fazê-los sentar-se à mesa e, passando, os servirá. E caso ele chegue à meia-noite ou às três da madrugada, felizes serão, se assim os encontrar!

Comentário

O evangelho nos faz um apelo a estarmos atentos para socorrer o irmão necessitado e empobrecido. Torna-se necessária uma resposta urgente, oportuna e eficaz frente a tantas dificuldades pelas quais passam as comunidades e famílias. Os seguidores de Jesus, não somente devem compreender sua mensagem, mas devem tornar realidade seus ensinamentos na prática da justiça. A alegria que move Jesus vem do sentimento de saber que seu pai Deus é o amigo fiel, leal, companheiro sempre disposto a servir. Por isso diz o texto: "Felizes os empregados que o senhor encontrar acordados quando chegar". Para Jesus, presidir a comunidade do Reino faz sentido quando se serve, quando se comparte a vida com os companheiros e se celebra a esperança de lutar por um mundo melhor. Nesta perspectiva esta parábola é a realidade que transforma Deus num amigo próximo, fiel, em quem podemos confiar. Que imagem de Deus eu tenho?  Como sei que Deus caminha comigo? 

Santo do Dia

S. Severino Boécio

480- filósofo ? \"Severino? vem de \"Severo? que significa \"sério?, \"grave?


Natural de Roma, S. Severino Boécio, cujo nome completo era Anício Mânlio Severino Boécio, nasceu por volta de 480 e morreu em 524. Casado, teve dois filhos que, como ele, tornaram-se cônsules. Filósofo, teólogo e cientista, contribuiu para a divulgação do pensamento grego no Ocidente, traduzindo do grego para o latim as obras de Platão, Aristótoles, Pitágoras, Euclides, Ptolomeu e outros. Deixou vários escritos versando sobre teologia, lógica, música, matemática e engenharia, sendo o mais importante A consolação da filosofia. Por defender corajosamente um amigo acusado pelo imperador Teodorico de conspiração no Senado Romano, foi preso também e encarcerado em Pávia, onde foi torturado por suas convicções religiosas se oporem às dos arianos, de quem Teodorico era simpatizante. Acabou sendo condenado à morte e executado em Pávia.

Calendário - Serviço Bíblico